Elementos Históricos do Saber Profissional do Professor de Matemática: um estudo do ‘Caderno VII’ da professora Anna Franchi (São Paulo, 1971)

  • Relicler Pardim Gouveia Universidade Federal de São Paulo
Palavras-chave: Expertise profissional, Caderno VII, Saberes, História da Educação Matemática

Resumo

Neste artigo, buscou-se analisar o documento intitulado “Caderno VII”, o qual traz o planejamento de ensino da área de matemática para as primeiras séries do curso fundamental – 1.º grau. Esse material foi elaborado por uma equipe de educadores do Grupo Escolar – Ginásio Experimental “Dr. Edmundo Carvalho”, sob a supervisão da professora Anna Franchi. Para entender quais processos e dinâmicas, envolvidos na elaboração do referido caderno, se constituíram como ferramenta de trabalho do professor dos primeiros anos escolares no Experimental da Lapa, serviram de aporte teórico os estudos de Hofstetter, Schneuwly e Freymond (2017) sobre expertise e expert. Observou-se que a proposta de ensino do documento em questão – o Caderno VII –, tanto para o Grupo Escolar - Ginásio Experimental como para as demais escolas, detém-se na ideia de dominação de alguns determinados conceitos, porém mantém como referência um conjunto de objetivos específicos. O estudo parece evidenciar um saber objetivado, para ensinar matemática, contribuindo diretamente para a formação pragmática do professor, ou seja, para um melhor caminhar do professor – o que acaba refletindo na aprendizagem do aluno – em sala de aula.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Relicler Pardim Gouveia, Universidade Federal de São Paulo

Doutorando em Educação e Saúde na Infância e Adolescência pela Universidade Federal de São Paulo - Campus Guarulhos - UNIFESP. Mestre em Educação Matemática pela Universidade Federal de Mato Grosso do Sul - PPGEduMat - INMA/UFMS (2017).  Membro do Grupo de Pesquisa em História da Educação Matemática (GHEMAT). 

Referências

BARBOSA, G. dos S. Anna Franchi. In: VALENTE, W. R. (org.). Educadoras matemáticas: memórias, docência e profissão. São Paulo: Livraria da Física, 2013. p. 21-31.

BIZZOCCHI, C. E. Educação renovada no Estado de São Paulo: a experiência pioneira do ensino continuado e as práticas escolares do Experimental da Lapa (1961-1971). Cadernos de História da Educação, Uberlândia, v. 15, n. 2, p.540-558, maio 2016. Disponível em: <http://www.seer.ufu.br/index.php/che/article/view/35541>. Acesso em: 01 dez. 2019.

BORGES, R. A. S. Circulação e apropriação do Ideário do Movimento da Matemática Moderna nas Séries Iniciais: as revistas pedagógicas no Brasil e em Portugal. 2011. 345 f. Tese (Doutorado em Educação Matemática) - Universidade Bandeirante de São Paulo, São Paulo, 2011. Disponível em: <https://repositorio.ufsc.br/handle/123456789/129705>. Acesso em: 20 fev. 2020.

BORGES, R. A. S.; FERNANDES, J. C. B. A Matemática Moderna no Ensino Primário na Década de 1960: um olhar sobre dois manuais didáticos. In: ENCONTRO NACIONAL DE EDUCAÇÃO MATEMÁTICA - ENEM, 12., 2016, São Paulo. Anais [...].. São Paulo: s.i, 2016. p. 1 - 15. Disponível em: <http://www.sbembrasil.org.br/enem2016/anais/pdf/8174_3986_ID.pdf>. Acesso em: 05 mar. 2020.

DUARTE, A. R. S. Matemática e educação matemática: a dinâmica de suas relações no tempo do Movimento da Matemática Moderna no Brasil. 2007. 438f. Tese (Doutorado em Educação Matemática) - Programa de Pós-Graduação em Educação Matemática, Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2007. Disponível em: < https://tede2.pucsp.br/handle/handle/11261>. Acesso em: 20 fev. 2020.

FRANÇA, D. M. de A. A produção oficial do Movimento Matemática Moderna para o ensino primário do estado de São Paulo (1960-1980). 2007. 272f. Dissertação (Mestrado) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2007.

FRANÇA, D. M. de A. Do primário ao primeiro grau: as transformações da Matemática nas orientações das Secretarias de Educação de São Paulo (1961-1979). 2012. 294f. Tese (Doutorado) – Faculdade de Educação de São Paulo, São Paulo, 2012.

FRANÇA, D. M. de A.; ZUIN, E. Dienes: Expertise e produção de saberes no Brasil na década de 1970. Argumentos Pró-educação, Pouso Alegre, MG, v. 4, n. 11, p.1031-1055, 25 jun. 2019. Disponível em: <http://ojs.univas.edu.br/index.php/argumentosproeducacao/article/view/423>. Acesso em: 20 fev. 2020.

FRANÇA, D. M.; DUARTE, A. R. A implementação do movimento da matemática moderna nos anos iniciais no estado de São Paulo. Em Teia | Revista de Educação Matemática e Tecnológica Iberoamericana, [s.l.], v. 8, n. 3, p.1-15, 10 nov. 2017. Revista de Educação Matemática e Tecnológica Iberoamericana, Universidade Federal de Pernambuco. http://dx.doi.org/10.36397/emteia.v8i3.23315. Disponível em: https://periodicos.ufpe.br/revistas/emteia/article/view/23315. Acesso em: 05 mar. 2020.

FRANCHI, A. Entrevista concedida por Anna Franchi em 24/06/1988 a Elisabete Zardo Búrigo. Arquivo mp3, lado A (46 min). Disponível em: <https://repositorio.ufsc.br/handle/123456789/201101>. Acesso em: 03 jan. 2020.

HOFSTETTER, R.; SCHNEUWLY, B. Disciplinarização e disciplina: as ciências da educação e as didáticas das disciplinas sob análise. In: HOFSTETTER, R.; VALENTE, W. R. (org.). Saberes em (trans)formação: tema central da formação de professores. São Paulo: Livraria da Física, 2017. Cap. 1. p. 21-54.

HOFSTETTER, R.; SCHNEUWLY, B.; FREYMOND, M. de. Penetrar na verdade da escola para ter elementos concretos de sua avaliação: a irresistível institucionalização do expert em educação (século XIX e XX). In: HOFSTETTER, R.; VALENTE, W. R. (org.). Saberes em (trans)formação: tema central da formação de professores. São Paulo: Livraria da Física, 2017. Cap. 2. p. 55-112.

MORAIS, R. dos S. "Intelectual? Não", expert. Acta Scientiae, Canoas, v. 21, p.3-12, 13 jun. 2019. Disponível em: <https://repositorio.ufsc.br/bitstream/handle/123456789/201967/Intelectual%20No%20-%20Expert.pdf?sequence=1&isAllowed=y>. Acesso em: 20 fev. 2020.

OLIVEIRA FILHO, F. O School Mathematics Study Group e o Movimento da Matemática Moderna no Brasil. 2009. Dissertação (Mestrado em Educação Matemática) - Universidade Bandeirante de São Paulo, São Paulo, 2009. Disponível em: <http://www.dominiopublico.gov.br/download/texto/cp114977.pdf>. Acesso em: 20 fev. 2020.

OLIVEIRA, M. C. A.; LEME DA SILVA, M. C.; VALENTE, W. R. O Movimento da Matemática Moderna: história de uma revolução curricular. Juiz de Fora: UFJF, 2011. 192 p.

PARDIM GOUVEIA, R. O Experimental da Lapa: um laboratório de currículo para a matemática moderna. Histemat - Revista de História da Educação Matemática, São Paulo, v. 6, n. 1, p. 238-254, maio 2020. Disponível em: http://histemat.com.br/index.php/HISTEMAT/article/view/310. Acesso em: 01 ago. 2020.

SÃO PAULO. CADERNO VII. Secretaria de Estado dos Negócios da Educação. Coordenação do Ensino Básico e Normal. Divisão de Assistência Pedagógica, 1971.

SÃO PAULO. Decreto n.º 25.596, de 9 de março de 1956. Regulamenta o Parágrafo único do artigo 1.º da Lei n. 3.269, de 9 de dezembro de 1955. Diretoria Geral da Secretaria de Estado dos Negócios. São Paulo, SP, 9 mar. 1956. Disponível em: <https://www.al.sp.gov.br/repositorio/legislacao/decreto/1956/decreto-25596-09.03.1956.html> Acesso em: 23 dez. 2019.

SILVA, J. R. Matemática no Ensino Primário: duas paisagens, uma história, muitas interrogações. 2009. 158 f. Dissertação (Mestrado) - Programa de Pós-graduação em Educação Matemática, Universidade Estadual Paulista, Rio Claro, 2009. Disponível em: <https://repositorio.unesp.br/bitstream/handle/11449/91133/silva_jr_me_rcla.pdf;jsessionid=03D4A503901A512AA374A1D7584B48BB?sequence=1>. Acesso em: 05 mar. 2020.

SOARES, E. T. P. Zoltan Paul Dienes e o Sistema de Numeração Decimal na cultura Escolar Paranaense (1960-1989). 2014. 288 f. Tese (Doutorado em Educação) - Pontifícia Universidade Católica do Paraná, Curitiba, 2014. Disponível em: <https://repositorio.ufsc.br/handle/123456789/117008>. Acesso em: 20 fev. 2020.

VALENTE, W. et al. A matemática na formação de professores e no ensino: processos e dinâmicas de produção de um saber profissional, 1890-1990. Projeto de Pesquisa. São Paulo: FAPESP, 2017. Disponível em: http://bv.fapesp.br/pt/auxilios/98879/a-matematica-na-formacao-de-professores-e-no-ensino-processos-e-dinamicas-de-producao-de-um-saber-p/?q=17/15751-2. Acesso em: 01 mar 2019.

VILLELA, L. M. A. GRUEMA: uma contribuição para a história da educação matemática no Brasil. 2009. 230 f. Tese (Doutorado em Educação Matemática) - Universidade Bandeirante de São Paulo, São Paulo, 2009. Disponível em: <https://repositorio.ufsc.br/handle/123456789/161992>. Acesso em: 20 fev. 2020.

Publicado
2021-01-08
Como Citar
Pardim Gouveia, R. (2021). Elementos Históricos do Saber Profissional do Professor de Matemática: um estudo do ‘Caderno VII’ da professora Anna Franchi (São Paulo, 1971). Revista De Educação Matemática, 18, e021002. https://doi.org/10.37001/remat25269062v17id448
Seção
Artigos Científicos