Resolução de Problemas do Campo Multiplicativo com Crianças de 1º e 2º Anos do Ensino Fundamental

  • Claudia Alves de Castro Universidade Cruzeiro do Sul
  • Edda Curi Universidade Cruzeiro do Sul
Palavras-chave: Ensino de matemática, Problemas do campo Multiplicativo, Resoluções de crianças

Resumo

Este artigo tem como objetivo analisar protocolos de crianças de primeiro e segundo anos do Ensino Fundamental de nove anos, de uma escola privada da cidade de São Paulo, envolvendo a resolução de problemas do Campo Conceitual das Estruturas Multiplicativas. Resulta de parte da pesquisa de doutorado no Ensino de Matemática, em que a aluna pesquisadora, bolsista CAPES, da Universidade Cruzeiro do Sul tem participação no grupo de pesquisa Conhecimentos, Crenças e Práticas de Professores que ensinam Matemática (CCPPM), Programa de Pós-Graduação em Ensino de Ciências. O referido grupo desenvolve um conjunto de pesquisas sobre o ensino de Matemática nos anos iniciais do Ensino Fundamental (E. F.) que ao serem exploradas com maior acuidade, permitem trazer maiores contribuições para a área. A pesquisa de natureza qualitativa, com procedimentos de análise documental de protocolos e vídeo-filmagem.  Entre os resultados destacamos que as crianças de 1º e 2º anos do Ensino Fundamental, mesmo sem saber as tabuadas ou os algoritmos da multiplicação, resolvem problemas do Campo Multiplicativo, usando estratégias pessoais, ou mesmo por adição e chegam à resolução correta.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Claudia Alves de Castro, Universidade Cruzeiro do Sul

Doutoranda no Programa de Ensino De Ciências e Matemática da Universidade Cruzeiro do Sul. Professora na Faculdade Unidas de Suzano (UNISUZ). Gestora no Colégio da Polícia Militar de São Paulo. Rua André Martins Parra, 171, casa 26, Marília, SP - 17514-260. E-mail: alvescastro1974@gmail.com

Edda Curi, Universidade Cruzeiro do Sul

Doutora em Educação Matemática pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (2000, 2004).  Professora titular dos Programas de Pós-Graduação em Ensino de Ciências e Matemática e Ensino de Ciências da Universidade Cruzeiro do Sul e coordenadora dos cursos. Rua Galvão Bueno, 868, Liberdade, SP - 01506-000. E-mail: edda.curi@gmail.com

Referências

CASTRO, C. A. Problemas do campo multiplicativo apresentados nas três coleções de livros didáticos mais vendidas em 2013. Universidade Cruzeiro do Sul, 05 de agosto de 2016. 106 p..

CONFREY, J. Spiltting, similarity and rate of change: a new approachto multiplication and exponential functions. In G. Harei and J. Confrey (eds): The Development of Multiplicative Reasoning in the Learning of Mathematics; pp. 293-332.Albany, New York: State University of New York Press, 1994.

CORREA, J.; BRYANT, P. E. Young Children’s Understanding of the Division Concept. Apresentado no ISSBD, Amsterdam, june-july 1994.

CRESWELL, J. W. Projeto de pesquisa: métodos qualitativo, quantitativo e misto. Porto Alegre: Artmed, 2010.

NUNES, T.; BRYANT, P. Crianças fazendo Matemática. Porto Alegre: Artmed, 1997.

POWELL, A. B.; FRANCISCO, J. M.; MAHER, C. A. Uma abordagem à análise de dados de vídeo para investigar o desenvolvimento de ideias e raciocínio matemáticos de estudantes. Bolema. Ano 17, nº 21, 2004, pp. 81 a 140.

TREFFERS, A. Three Dimensions: a model of goal and theory description in mathematics instruction – The Wiskobas Project. Dordrecht: Reidel Publishing Company, 1987.

VERGNAUD, G. A Classification of Cognitive Tasks and Operations of Thought Involved in addition and subtraction problems. In: CARPENTER, T. MOSER, J. & ROMBERG, T. (1982). Addition and Subtraction. A cognitive perspective. Hillsdale, N. J. : Lawrence Erlbaum. pp. 39-59.

__________. Multiplicative structures. In: Hiebert, H. and Berh, M. (EDS). Research Agenda in Maathematics Education. Number Concepts and Operations in the Middle Grades. HILLSDALE, N. J. : Lawrence Erlbaum. pp. 141-161, 1988.

__________. La théorie the champs conceptuels. Recherches em Didactiques des Mathématiques, v. 10, n. 23, p. 133-170, 1990.

__________. Multiplicative conceptual field: what and why? In: Guershon, H. and Confrey, J. (1994). (Eds.) The development of multiplicative reasoning in the learning of mathematics. Albany, N. Y. : State University of New York Press. Pp. 41-59.

__________. "Multiplicative conceptual field: what and why." The development of multiplicative reasoning in the learning of mathematics (1994): 41-59.

__________. A Teoria dos Campos Conceituais. In: BRUN, J. Didáctica das Matemáticas. Lisboa: Instituto Piaget, 1996. p. 155-191.

__________. A Criança, a matemática e a realidade: problemas do ensino da matemática na escola elementar; tradução Maria Lúcia Faria Moro, revisão técnica Maria Tereza Carneiro Soares – Curitiba: Ed. da UFPR, 2009.

__________. Construção do conhecimento matemático e a teria dos campos conceituais. In: SIMPÓSIO INTERNACIONAL DE PESQUISA EM EDUCAÇÃO MATEMÁTICA – SIPEMAT, 3, 2012, Fortaleza. Anais... Fortaleza /CE: SIPEMAT, 2012.

Publicado
2020-11-09
Como Citar
Castro, C. A. de, & Curi, E. (2020). Resolução de Problemas do Campo Multiplicativo com Crianças de 1º e 2º Anos do Ensino Fundamental. Revista De Educação Matemática, 17, e020052. https://doi.org/10.37001/remat25269062v17id393
Seção
Artigos Científicos