Ensino e aprendizagem de matemática através de situações-problema em uma escola comunitária rural

  • Cidimar Andreatta Universidade Cruzeiro do Sul (Unicsul) https://orcid.org/0000-0001-5807-8896
  • Norma Suely Gomes Allevato Universidade Cruzeiro do Sul
  • Antonio Henrique Pinto Instituto Federal do Espírito Santo
Palavras-chave: Educação do Campo, Situações-problema, Etnomatemática

Resumo

Este artigo traz uma versão ampliada da Comunicação Científica apresentada no XIII Encontro Paulista de Educação Matemática (EPEM), com recortes dos resultados finais de uma pesquisa que envolveu uma prática de ensino com abordagem etnomatemática com estudantes dos anos finais do ensino fundamental numa escola municipal comunitária rural do município de Colatina, estado do Espírito Santo. A organização didático-pedagógica do trabalho na referida escola está consolidada na Pedagogia da Alternância, proporcionando momentos de formação na escola e no contexto familiar. Neste estudo apresentamos as situações-problema desenvolvidas para dinamizar as atividades com os números inteiros, proporcionalidade e porcentagem, de forma que os estudantes puderam perceber – ou não – a importância e a relação das propostas em/com seus cotidianos. Puderam aprofundar os conceitos de números inteiros, utilizando-se de diferentes estratégias de resolução e reconheceram os diferentes tipos de “fazer matemática” a partir da cultura familiar e do contexto em que estão inseridos, ratificando uma das perspectivas da Educação do Campo: a valorização da cultura e do meio em que vivem os sujeitos, confirmando proximidade e familiaridade com a Etnomatemática.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Cidimar Andreatta, Universidade Cruzeiro do Sul (Unicsul)
Doutorando do Programa de Ensino de Ciências da Universidade Cruzeiro do Sul (Unicsul/SP)
Norma Suely Gomes Allevato, Universidade Cruzeiro do Sul
Professora do Programa de Pós-Graduação em Ensino de Ciências e Matemática da Unicsul
Antonio Henrique Pinto, Instituto Federal do Espírito Santo
Professor do Instituto Federal do Espírito Santo

Referências

ALRO, H.; SKOVSMOSE, O. Diálogo e aprendizagem em Educação Matemática. São Paulo: Autêntica, 2006.

ANDRÉ, M. E. D. A. de. Etnografia da prática escolar. Campinas, SP: Papirus, 2010.

ANDREATTA, C. Ensino e aprendizagem de Matemática e Educação do Campo: o caso da Escola Municipal Comunitária Rural “Padre Fulgêncio do Menino Jesus”, Município de Colatina, Estado do Espírito Santo. 2013.155f. Dissertação (Mestrado em Educação em Ciências e Matemática) – Instituto Federal do Espírito Santo, Vitória, 2013.

BARBIER, R. A pesquisa-ação. Tradução de Lucie Didio. Brasília: Plano, 2002.

BRASIL. Conselho Nacional de Educação. Parecer 36/2001. Diretrizes Operacionais para Educação Básica nas Escolas do Campo. Relatora: Edla de Araújo Lira Soares. Brasília, 2001.

D’AMBROSIO, U. Etnomatemática. 5. ed. São Paulo: Ática, 1998.

______. Etnomatemática – elo entre as tradições e a modernidade. 2. ed. Belo Horizonte: Autêntica, 2002.

FREIRE, P. Conscientização: teoria e prática da libertação: uma introdução ao pensamento de Paulo Freire. 3. ed. São Paulo: Moraes, 1980.

______. Educação como prática de liberdade. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1981.

GIMONET, J. C. Praticar e compreender a Pedagogia da Alternância dos CEFFAs. São Paulo: Vozes, 2007. (Coleção AIDEFA).

KNIJNIK, G. Exclusão e resistência: Educação matemática e legitimidade cultural. Porto Alegre: Artes Médicas, 1996.

MONTEIRO, Alexandrina; OREY, Daniel; DOMITE, Maria do Carmo. Etnomatemática: papel, valor e significado. In: RIBEIRO, José Pedro Machado; DOMITE, Maria do Carmo; FERREIRA, Rogério. Etnomatemática: papel, valor e significado. 2. ed. Porto Alegre: Zouk, 2006.

SKOVSMOSE, O. Cenários para investigação. BOLEMA: Boletim de Educação Matemática – Unesp, Rio Claro, n. 14, p. 66-91, set. 2000.

Publicado
2018-05-01
Como Citar
Andreatta, C., Allevato, N. S. G., & Pinto, A. H. (2018). Ensino e aprendizagem de matemática através de situações-problema em uma escola comunitária rural. Revista De Educação Matemática, 15(19), 373 - 384. https://doi.org/10.25090/remat25269062v15n192018p373a384
Seção
Artigos Científicos