As representações das figuras geométricas presentes no nosso cotidiano: uma excursão para percepção de conhecimentos geométricos

Palavras-chave: Matemática Cotidiana, Oficina, Percepção Visual.

Resumo

O presente relato tem por objetivo analisar a implementação de uma oficina em uma turma do 6º ano do Ensino Fundamental acerca do conteúdo das figuras geométricas planas, por meio da vivência da excursão intitulada “a matemática está em toda parte” na cidade de Olinda no estado de Pernambuco. Essa viagem foi fruto de uma das atividades propostas pela disciplina Tendências da Educação Matemática no curso de Pós-Graduação em Ensino da Matemática, nível lato sensu, de uma faculdade pertencente à Zona da Mata Norte do estado de Pernambuco. A finalidade pedagógica da excursão foi de explorar a presença da matemática nas diversas situações do cotidiano, sejam nos objetos criados pelos homens ou originados pela natureza. Para fundamentar o presente trabalho adotou-se as ideias de Paviani e Fontana (2009) ao ressaltarem que a oficina pedagógica atende a duas finalidades. A primeira diz respeito a articulação de conceitos, pressupostos e noções com ações concretas, vivenciadas pelo participante ou aprendiz. Já a segunda enfatiza a vivência e execução de tarefas em equipe, isto é, apropriação ou construção coletiva de saberes. Metodologicamente, participaram 20 alunos do 6º ano do Ensino Fundamental da aplicação da oficina, sendo trabalhado o conteúdo das figuras geométricas planas. Conclui-se, portanto, que os alunos ficaram entusiasmados com a possibilidade de aprenderem ou relembrarem os conceitos geométricos/matemáticos por meio de um aporte presentes em seu cotidiano. Portanto essa proposta traz que é relevante os professores de matemática adaptarem suas metodologias de ensino para proporcionar aulas mais gratificantes dessa área de conhecimento. 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Franklin Fernando Ferreira Pachêco, Universidade Federal de Pernambuco- UFPE
Mestrando em Educação Matemática e Tecnológica pela Universidade Federal de Pernambuco- UFPE.  Possui especialização em ensino de matemática pela Faculdade de Ciências e Tecnologia Professor Dirson Maciel de Barros- FADIMAB. Graduado em Licenciatura plena em matemática pela Universidade de Pernambuco- UPE/ Campus Mata Norte.
Gisele Ferreira Pachêco, Universidade de Pernambuco- UPE
Graduada em Letras pela Universidade de Pernambuco- Campus Mata Norte

Referências

BRASIL, S. E. F. Parâmetros curriculares nacionais: matemática/ Secretária de Educação Fundamental. – Brasília: MEC/SEF,1997.

BRASIL, S. E. F. Parâmetros Curriculares Nacionais: matemática/ Secretaria de Educação Fundamental- Brasília: Mec/ sef,1998.

BRASIL, S. E. F. Base Nacional Curricular Comum- BNCC. Brasília, 2017, p.471.

MARCON, R. A.; BURGO, O. G. A construção de conceitos matemáticos na educação infantil: uma contribuição da geometria. Anais eletrônicos. VI Mostra interna de trabalhos de iniciação cientifica, 2012.

MARTINS, L. F. Motivando o ensino de geometria. Universidade do Extremo Sul Catarinense – Unesc. Curso de Pós-Graduação Especialização Em Educação Matemática. Criciúma, 2008.

NOGUEIRA, V. L. F. Uso da Geometria no Cotidiano. Disponível em: http://www.diaadiaeducacao.pr.gov.br/portals/pde/arquivos/1850-8.pdf. acesso em 06 abril 2017.

PAVIANI, N. M. S.; FONTANA, N. M. Oficinas pedagógicas: relato de uma experiência. Conjectura, . 14, n. 2, maio/ago. 2009.

ROSA, A. M. Figuras Geométricas: Instrumentos importantes para o ensino da geometria. Criciúma, fevereiro, 2009.

SANTOS, R. B. Reconhecimento de esboços de formas geométricas contidas em fluxograma. Goiana, 2010.

SILVA FILHO, J. B.; BRITO, K. L. V. O aprendizado da geometria contextualizada no ensino médio. IESGO- instituto de ensino superior de Goiás. Pós-graduação lato senso em educação matemática. Formosa- Goiás, 2010.

Publicado
2019-05-01
Como Citar
Pachêco, F. F. F., & Pachêco, G. F. (2019). As representações das figuras geométricas presentes no nosso cotidiano: uma excursão para percepção de conhecimentos geométricos. Revista De Educação Matemática, 16(22), 308 - 320. https://doi.org/10.25090/remat25269062v16n222019p308a320
Seção
Práticas e Histórias de aulas de Matemática