História da Matemática: razões para seu ensino na revista Lilaváti (1957), de Malba Tahan

Cristiane Coppe de Oliveira

Resumo

O presente trabalho é fruto de um projeto de pesquisa em andamento, acerca de fontes primárias, desenvolvido pelo Núcleo de Pesquisas e Estudos em Educação Matemática da Universidade Federal de Uberlândia (NUPEm/UFU). De natureza qualitativa, tem como objetivo apresentar a Revista Lilaváti (1957), dirigida por Malba Tahan na cidade do Rio de Janeiro, e alguns aspectos, presentes na revista, que evidenciam as razões para ensinar história da matemática. Inicialmente, buscaram-se dados em trabalhos científicos que procuram estabelecer relações entre história e Educação Matemática. Outra etapa envolveu a aproximação – por meio de sua estrutura, de seus colaboradores e de temas de História da Matemática ali apresentados por Malba Tahan e por outros autores – com os elementos que desencadearam a criação e a constituição de Lilaváti. A partir do levantamento desses temas, reuniram-se algumas razões para ensinar história da Matemática, tomando como referencial Struik. Constatou-se que a maioria dos tópicos apresentados na Revista Lilaváti possui um enfoque em curiosidades apresenta particularidades da matemática e envolve mais de uma razão. Acredita-se que pesquisas em fontes primárias, especificamente revistas destinadas a alunos e professores, podem contribuir para pensar a história da Matemática como um recurso didático para auxiliar na compreensão de ideias matemáticas e em outras dimensões que envolvem o contexto da Educação Matemática brasileira.

 

Palavras-chave: Malba Tahan. Revista Lilaváti. História da Matemática.

 

HISTORY OF  MATHEMATICS:  REASONS FOR ITS TEACHING IN LILAVÁTI MAGAZINE (1957), OF MALBA TAHAN

 

Abstract

 

The present paper is the result of a research project, in progress, about primary sources, developed by the Center for research and studies in mathematics education at the Universidade Federal de Uberlândia (UFU/NUPEm). Qualitative in nature, aims to present the magazine Lilaváti (1957) directed by Malba Tahan in Rio de Janeiro and some aspects that can be evidenced on the reasons to teach the history of mathematics, present in the magazine. This proposal initially sought elements through a survey of scientific papers that seek to establish relationships between history and mathematics education. Another step was the rapprochement with the elements that triggered the establishment and Constitution of Lilaváti through your structure, of its employees and of themes of history of mathematics presented by Malba Tahan and other authors in the magazine. From the survey of these themes, sought some reasons to teach the history of mathematics, having as referential Struik (1985). It was noted that most of the topics presented in the magazine Lilaváti have a focus of curiosities, showing their particularities and involving more than one reason. It is believed that from research with primary sources, specifically magazines intended for students and teachers can contribute to the idea of thinking about the history of mathematics as a teaching resource – and can assist in the understanding of mathematical ideas and in other dimensions involving the context of mathematics education brazilian.

 

Key words: Malba Tahan; Lilaváti Magazine; History of mathematics.

 

 

HISTORIA DE LA MATEMÁTICA: RAZONES PARA SU ENSEÑANZA EN LA REVISTA LILAVÁTI (1957), DE MALBA TAHAN

 

Resumen

 

El presente trabajo es el resultado de un proyecto de investigación en curso sobre fuentes primarias, desarrollado por el centro de investigaciones y estudios en educación matemática en la Universidad Federal de Uberlandia (UFU/NUPEm). Cualitativo en la naturaleza, tiene como objetivo presentar la revista Lilaváti (1957) dirigida por Malba Tahan en Río de Janeiro y algunos aspectos que pueden evidenciarse en las razones para enseñar la historia de las matemáticas, presentes en la revista. Esta propuesta inicialmente buscó elementos de una encuesta de los trabajos científicos que tratan de establecer relaciones entre la enseñanza de la historia y las matemáticas. Otro paso fue el acercamiento con los elementos que desencadenó la creación y Constitución de Lilaváti y su estructura, de sus profesores y de temas de la historia de las matemáticas presentadas por Malba Tahan y otros autores en la revista. Desde el estudio de estos temas, buscó algunas razones para enseñar la historia de las matemáticas, teniendo como referencia Struik (1985). Se observó que la mayoría de los temas presentados en la revista Lilaváti tienen un enfoque de curiosidades, mostrando sus particularidades y que implica más de una razón. Se cree que de la investigación con fuentes primarias, revistas específicamente diseñados para estudiantes y profesores pueden contribuir a la idea de pensar sobre la historia de las matemáticas como un recurso didáctico – y pueden ayudar a la comprensión de ideas matemáticas y en otras dimensiones que implica el contexto de la educación matemática brasileña.

 

Palabras clave: Malba Tahan; Revista Lilaváti; Historia de las matemáticas.

Palavras-chave

Malba Tahan. Revista Lilaváti. História da Matemática.

Texto completo:

PDF

Referências

BARONI, R. L. S.; TEIXEIRA, M.V.; NOBRE, S. R. A investigação científica em história da matemática e suas relações com o programa de pós-graduação em Educação Matemática. In: BICUDO, M. A.V.; BORBA, M. C. B. (Org.). Educação Matemática em movimento. São Paulo: Cortez, 2004. p.172-173.

BRASIL. Secretaria de Educação Fundamental. Parâmetros Curriculares Nacionais – terceiro e quarto ciclos do ensino fundamental: matemática. Brasília: MEC/SEF, 1998.

BÚRIGO, E. Z. Martha Blauth. In: VALENTE, W. R. (Org.). Educadoras matemáticas: memórias, docência e profissão. São Paulo: Livraria da Física, 2013. p.258.

COPPE-OLIVEIRA, C. Do menino Julinho a Malba Tahan: uma viagem pelo oásis do ensino da Matemática. 2001. 212f. Dissertação (Mestrado em Educação Matemática) – Instituto de Geociências e Ciências Exatas, Unesp, Rio Claro, 2001.

COPPE-OLIVEIRA, C. A sombra do arco-íris: um estudo histórico-mitocrítico do discurso pedagógico de Malba Tahan. 2007. 171f. Tese (Doutorado em Educação) – Faculdade de Educação, USP, São Paulo, 2007.

COPPE-OLIVEIRA, C. A Revista Lilaváti (1957) de Malba Tahan: buscando situações de aprendizagem acerca da história da matemática como recurso didático. In: ENCONTRO NACIONAL DE PESQUISA EM HISTÓRIA DA EDUCAÇÃO MATEMÁTICA, 2., 2014, Unesp, Bauru. Anais... Bauru, 2014.

COPPE, C. et al. Malba Tahan e a Revista Al-Karismi (1946-1951): diálogos e possibilidades. Jundiaí: Paco Editorial, 2016.

DIAS, A. M. et al. Martha Dantas. In: VALENTE, W.R. (Org.). Educadoras matemáticas: memórias, docência e profissão. São Paulo: Livraria da Física, 2013. p. 297.

FARIA, J.C. A prática educativa de Júlio César de Mello e Souza Malba Tahan: um olhar a partir da concepção de interdisciplinaridade de Ivani Fazenda. 2004. 278f. Dissertação (Mestrado em Educação) – Faculdade da Educação e Letras, Universidade Metodista de São Paulo, São Bernardo do Campo. 2004.

FIORENTINI, D.; LORENZATO, S. Investigação em educação matemática: percursos teóricos e metodológicos. Campinas: Autores Associados, 2006.

MENDES, I. A. Investigação histórica no ensino da matemática. Rio de Janeiro: Ciência Moderna, 2009.

SAD, L. A. Educação Matemática: unidade na história e nos objetivos educacionais. In: ENCONTRO PAULISTA DE EDUCAÇÃO MATEMÁTICA, 7., 09 a 12 de junho de 2004, Faculdade de Educação da Universidade de São Paulo, São Paulo. Anais... São Paulo, p. 1-5.

SANTOS, L. M. dos. Metodologia do ensino de Matemática e Física: tópicos de história da física e da matemática. Curitiba: Ibpex, 2009.

SILVA, C. P. A Matemática no Brasil: história de seu desenvolvimento. São Paulo: Edgard Blücher, 2003.

SIQUEIRA FILHO, M. G. Ali Iezid Izz-Edim Ibn Salim Hank Malba Tahan: episódios do nascimento e manutenção de um autor-personagem. 2008. 258f. Tese (Doutorado em Educação) - Programa de Pós-Graduação em Educação, Campinas. 2008.

STRUIK, D. J. Por que estudar a história da matemática? In: GAMA, R. História da técnica e da tecnologia. Tradução de Célia Regina A. Machado e Ubiratan D’Ambrosio. São Paulo: Editora da Universidade de São Paulo, 1985.

TAHAN, M. Lilaváti. Rio de Janeiro: Freitas Bastos, 1957. p. 1-47.


Visualizações do PDF:

78 views


Visualizações do Resumo:

189 views

Apontamentos

  • Não há apontamentos.
-->
Tema: Mpg. Customizado por: Articloud